Rua Bibiano Pereira da Rocha, nº 2-A, Morro Azul - Flamengo
+55 (21) 2553-3485
contato@shooto.com.br

Shooto 90: Release 1

Shooto 90: Release 1

Shooto Brasil 90: evento de abertura do ano tem disputa de cinturão e ex-UFC como destaques

Primeira edição de 2019 acontece nesta sexta-feira, dia 15, no Rio de Janeiro com Edilceu Para Raio e Daniel Miojo disputando o cinturão até 59kg; Ex-UFC Adriano Martins retorna ao Brasil e estreia no Shooto

Créditos Fotos: Natalino Werneck

O toque de luvas inicial da temporada 2019 do Shooto Brasil acontece nesta sexta-feira, dia 15 de março. A edição de número 90 e primeira do ano promete abalar as estruturas da Upper Arena, casa do evento no Rio de Janeiro. Serão 14 lutas na noite, com destaque para o duelo principal valendo o título até 59kg entre Edilceu Para Raio, pupilo do ex-lutador Cristiano Marcello, e Daniel Miojo, companheiro de equipe do atleta do UFC Alex Cowboy. A card conta ainda com a presença de outro lutador com passagem pelo Ultimate. O manauara Adriano Martins retorna ao Brasil e faz sua estreia no Shooto diante do xará Adriano Rodrigues no co-main event da noite. O evento tem início às 19h e conta com transmissão ao vivo do Canal Combate.

“Mais um ano começando e as expectativas são as melhores possíveis. Sempre venho batido na tecla da dificuldade em se fazer eventos no Brasil e mais um ano se passa e o Shooto continua firme e forte, sempre com objetivo de revelar grandes talentos do MMA nacional. Essa primeira edição do ano vai ser interessante, com título em jogo e a presença de um nome carimbado como o Adriano. Tenho certeza que a galera que acompanhar, seja na TV ou na Arena, vai gostar do que vai ver”, afirma Dedé Pederneiras, presidente do Shooto Brasil.

A luta principal do Shooto Brasil 90 coloca frente a frente dois atletas em momentos distintos da carreira. De um lado está Daniel Miojo, de apenas 22 anos, e que ainda não sabe o que é ser derrotado. Com sete vitórias, sendo quatro por nocaute e três por finalização, o fluminense de Valença, no interior do estado, também não sabe o que levar uma luta até o final. Do outro lado do octógono estará Edilceu Para Raio. Pupilo do ex-lutador Cristiano Marcello na equipe CM System, o lutador de Sinop, no Mato Grosso, chega também com bons números.  Aos 36 anos, ele soma nove vitórias e dois reveses na carreira. Edilceu faz ainda sua estreia no Shooto Brasil.

Na co-luta principal da noite mais uma estreia, essa com currículo de peso. O manauara Adriano Martins retorna ao Brasil após quase seis anos atuando no UFC. Aos 36 anos o lutador da American Top Team tem um cartel expressivo de 28 vitórias e dez derrotas. Ele vai encarar seu xará Adriano Rodrigues, que aos 26 anos soma um cartel de dez vitórias e três derrotas.

O card do Shooto conta ainda com a presença de nomes conhecidos do cenário nacional como a dupla da Nova União, Pedro Falcão e Luciano Benício. Eles encaram Mauricio Bad Boy e Andrey Mineiro, respectivamente.

Shooto Brasil 90

Data: Sexta-feira, 15 de março de 2019

Horário: 19h (Card preliminar) e 20h ao vivo no Canal Combate

Local: Upper Arena

Endereço: Rua Bibiano Pereira da Rocha n° 2-A – Flamengo, Rio de Janeiro

Card principal

Até 59kg: Edilceu “Para Raio” (58,2kg) (CM System) x Daniel Miojo (58,8kg) (ATS Tubarões)

Até 74kg: Adriano Rodrigues (74,4kg) (RD Champions) x Adriano Martins (74,6kg) (ATT)

Até 68kg: Maurício Bad Boy (66,6kg) (Guetto Diamond) x Pedro Falcão (68,2kg) (Nova União)

Até 66kg: Andrey Mineiro (66,1kg) (RD Champions) x Luciano Benício (66,2kg) (Nova União)

Até 68g: Pacceli Afonso (67,8kg) (Tchaco Fight Team) x Junior Negão (68,4kg) (Nova União)

Até 70kg: Paulo Cesar Ramer (70,5kg) (BPT/CTA) x Ricardo Maisena (70,8kg) (CMT)

Até 77kg: Claudio Rocha (77,6kg) (Rocha Top Team) x  Vandirson Negão (77,6kg) (Rizzo RVT)

Até 66kg: Pedro Finger (65,3kg) (Team Nogueira Viamão) x Diego Domingos (66,2kg) (Nova União)

Até 84kg: Gabriel Cruz (83,9kg) (Projeto Maquininha do Futuro) x Wildemar Besouro (84,4kg) (Team Malhado)

Até 81kg: Lucas Hodak (80,1kg) (Team Cyborg) x Guilherme Prescendo (80,9kg) (Strikers House)

Até 66kg: Marcos Silva (66,2kg) (Beto Padilha Team) x King Lamo (66,2kg) (Nova União/Academia Champion)

Até 57kg: Romário Garcia (57,2kg) (Relma Combat) x Claudio Coutinho (57,1kg) (Nova União)

Card preliminar

Até 61kg: Tarcizio Pedra (61,2kg) (RD Champions) x Felipe Pereira (61,4kg) (Nova União/Adamcam/MPBJJ)

Até 53,5kg: Thaiane Souza (52,7kg) (CM System) x Andressa Romero (53,2kg) (Nova União)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *