Rua Bibiano Pereira da Rocha, nº 2-A, Morro Azul - Flamengo
+55 (21) 2553-3485
contato@shooto.com.br

Shooto Brasil 93 tem título interino em jogo e retorno de Ronys Torres após um ano; veja o card completo

Shooto Brasil 93 tem título interino em jogo e retorno de Ronys Torres após um ano; veja o card completo

O final de semana promete pegar fogo com mais uma edição do Shooto Brasil. A organização faz nesta sexta-feira (26), na ViVi Arena, seu evento de número 93. Na luta principal da noite, Valmir Bidu e Ricardo Maizena disputam o título interino dos leves (até 70,3kg) após o campeão Fabricio Negão não conceder a revanche imediata a Bidu por razões pessoais. O card conta também com a presença de Ronys Torres, ex-campeão do evento e um dos nomes tradicionais da equipe Nova União. Ele encara Paulistenio Rocha no co-main event. O Shooto Brasil 93 ainda terá outros dez combates no card principal, com destaque para o embate entre Pedro Falcão e Ricardo Sattelmayer. No card preliminar são três duelos, com início às 20h (de Brasília) e transmissão ao vivo do Canal Combate.

Na pesagem oficial, realizada na manhã desta quinta (25), os protagonistas não tiveram problemas com a balança. Valmir Bidu e Ricardo Maizena marcaram 69,9kg e 70kg, respectivamente, e confirmaram a disputa de título. Já entre os representantes da co-luta principal, apenas Ronys Torres cumpriu com a sua obrigação, enquanto Paulistenio ultrapassou em 600g o limite de peso e foi multado em 20%, repassados ao adversário.

Um dos astros da luta principal da noite, Valmir Bidu teve uma passagem recente pelo UFC. Aos 33 anos, o baiano de Salvador soma um cartel de 18 vitórias e sete derrotas. Especialista no Boxe, ele fez três lutas no Ultimate em 2014/2015 e acabou demitido após duas derrotas e uma vitória. Depois disso, engatou dois triunfos seguidos no Shooto e, em 2017, fez quatro lutas – três na Rússia. No ano passado retornou ao Shooto, mas acabou surpreendido por Fabrício Negão, atual campeão da divisão. Já Ricardo Maizena chega credenciado por três vitórias seguidas, somando ao todo 11 no cartel, com cinco derrotas.

No co-main event, Ronys Torres retorna ao palco onde já se consagrou campeão dos leves. O amazonense não entra em ação há um ano, quando venceu justamente no Shooto. Na carreira, o lutador de 32 anos soma 38 vitórias e somente seis derrotas. Seu oponente é Paulistenio Rocha, que apesar do nome é nascido em Goiás e volta ao Shooto Brasil, onde fez sua estreia e nunca mais atuou. Aos 36 anos, ele soma 15 triunfos e seis reveses.

O Shooto Brasil 93 conta ainda com outros dez combates no card principal e três no preliminar, com destaque para a luta entre Pedro Falcão e Ricardo Sattelmayer, dono de uma história bem peculiar. Ricardo é casado com duas mulheres e ambas são lutadoras. Inclusive uma delas, Aline Sattelmayer, lutará no mesmo card diante de Danny Fênix.

CARD COMPLETO:

Shooto Brasil 93
ViVi Arena, no Flamengo (RJ)
Sexta-feira, 26 de julho de 2019

Card principal
Até 70,3kg: Valmir Bidu (Nova União) x Ricardo Maizena (Careca)
Até 76kg: Ronys Torres (Nova União) x Paulistenio Rocha (Malhado⁩)
Até 68kg: Marcos Sorriso (PRVT) x Thiago Manchinha (Baixinho Team)
Até 66,2kg: Pedro Falcão (Nova União) x Ricardo Sattelmayer (STT)
Até 75,3kg: Diego Barcelos (CTLA) x Junior Luiz (RVT/LB)
Até 77,6kg: Marcio Henrique (Carmem) x Vanilton Antunes (Russão)
Até 52,6kg: Aline Sattelmayer (STT) x Danny Fênix (PRVT)
Até 75,3kg: Cláudio Rocha (Rocha Top Team) x Ary Santos (Nova União Campos)
Até 77,6kg: Jorge Filho (RVT/LB) x Adriano Rodrigues (RD Champions)
Até 59,4kg: Alexandre Aragão (Nova União) x Marcos Vuvuzela (BTT)
Até 61,7kg: Daniel Wagner (Carmem) x Alberto Pantoja (Nova União Campos)
Até 61,7kg: Silas Lima (Nova União) x Victor Buldoguinho (BPT⁩)

Deixe uma resposta